quarta-feira, dezembro 21, 2005

Os "Nisse" e a fogueira...

God dag minha gente!!!...det er Jul!!...e Natal!!...a chuvinha voltou a Bergen e carregou muito da neve...o frio tb diminuiu bem e ja nao e necessario sair tao agasalhado...o vento do norte sopra sem do e encontra seu caminho por entre as casas, arvores e montanhas...dificil ele passar despercebido...deixa sempre um sopro geladinho no rosto da gente...
Hoje e quarta-feira e a maioria dos noruegueses ja estao com todos os presentes empacotados, os biscoitos e sobremesas preparados e a arvore pronta para ser enfeitada com todos os membros da familia....
Alguns atrasadinhos ainda correm em busca de uma coisinha ali e acola...pessoas alegres com seus gorros vermelhos de papai noel se esbarram umas nas outras, mas cordialmente sorriem e pedem desculpas...
As criancas se encantam com as os enfeites natalinos ea maioria das loja oferece "pepperkake" gratutitamente para seus clientes...
Os dias passam correndo e o natal ja esta ai...a nossa porta...vamos abrir e deixa-lo entrar???...
x
Esse dias achei uma reportagem muito interessante no BA....assim mamaes brasileiras deixem de lado a preocupacao e deixem seus filhotes seguirem o ritmo noruegues...
Explico aqui...a maioria das mamaes brasileiras, se sentem totalmente "chocadas" com a forma que as criancas norueguesas sao criadas...ou seja, elas convivem com o clima do pais...em dias de chuva, estao nos pateos, nos parquinhos, nas ruas brincando alegremente como se fosse a coisa mais natural do mundo...agasalhadas com suas roupas impermeaveis e botinhas de chuva, elas estao o tempo todo ao ar livre...aqui nao tem aquele negocio de "ah!! vamos cancelar o passeio porque esta chovendo!"...no periodo da neve o mesmo se repete e as criancas sao agasalhadas com roupas especiais para elas, com luvinhas, gorros e botinhas quentes se divertem em meio ao frio e a neve....
Confesso a voces que eu tb tive esse choque...vi cenas e cenas varias vezes e sempre perguntava para o meu marido se nao era perigoso para as criancas ficar na chuva ou na neve gelada....e ele so ria e dizia "a gente aprende a conviver com oque temos"...
Pois e, essa reportagem conta que as criancas norueguesas estao entre as mais saudaveis do mundo e entre os que tem o mais alto indice de sobrevivencia...poucas criancas morrem e poucas sao vitimas de doencas serias ou mortais...
Geralmente as criancas por aqui estao "quase" sempre com o nariz escorrendo e com tosse, mas se recuperam rapidamente por nao serem auto-medicadas pelos pais...
Assim mamaes brasileiras vamos deixar nossos pimpolhos seguirem o ritmo da natureza, mesmo que seja com uma "dorzinha" no coracao...
x
x
Ah!! a Renata me perguntou porque os noruegueses queriam que o novo principe se chamasse Olav...aqui conto a historia:
O Rei Olav V (1903 - 1991) nao nasceu na Noruega...ele nasceu na Inglaterra e seu nome de batismo era Alexander Edward Christian Frederik, mas quando o pai foi escolhido com Rei da Noruega em 1905, ele se tornou principe herdeiro e recebeu o nome de Olav...
Rei Olav V foi rei da Noruega entre 1957 e 1991...
Era um rei amado e querido por todos os noruegueses...amava esportes e tinha um coracao generoso, muito carisma e respeito pela cultura norueguesa...
Ficou conhecido como o "Rei do Povo" e sua morte deixou muita dor e saudades entre os noruegueses...assim com o nascimento do pequeno principe herdeiro todos desejavam que Olav fosse o nome escolhido em homenagem ao rei que sempre tinha um sorriso no rosto...
x
x
UM POUCO MAIS SOBRE O NATAL NORUEGUES...tradicoes natalinas na antiga Noruega...
x

O Natal é cheio de tradições, cerimônias e costumes baseados, em parte, em várias superstições antigas que permanecem até os dias atuais. Velhos e jovens, amigos e família se unem ainda mais por meio de várias semanas de festividades. Nós nos tornamos mais refletivos e atenciosos.
Antigamente, Natal era um banquete que acontecia durante o inverno - um festival de luzes marcando a transição do inverno sombrio para primavera e verão. O Natal era um tempo de celebrar a colheita, fertilidade, nascimento e morte. Em 1.900 o Rei Haakon I decidiu que o costume pagão de beber Jul (yule) deveria ser mudado para 25 de dezembro, em honra ao nascimento de Jesus Cristo.
Gradualmente, o banquete pagão foi se tornando cada vez mais cristão. O nome Jul foi conservado, mas o feriado foi dedicado a Jesus Cristo. O Natal é, deste modo, uma mistura de festa pagã antiga e tradições Cristãs mais modernas. Hoje, o Natal é a celebração mais popular do ano na igreja Cristã e para famílias e amigos.
Natal nos velhos tempos...
As preparações para o Natal eram extensas. Tudo, desde fazer os presentes de Natal a sacrificar o animal a ser comido deveria ser feito em casa. As fazendas eram auto-suficientes, e esperava-se que os animais sacrificados antes do Natal durassem o resto do ano. Em fazendas norueguesas maiores, cinco a seis porcos, sete a oito ovelhas, duas vacas e um par de bezerros eram mortos.
A data para o sacrifício variava, mas a melhor época era antes do Natal na lua nascente. Os fazendeiros acreditavam que a carne era melhor e iam além, se o sacrifíco fosse realizado numa boa hora.
As mulheres eram responsáveis por preparar o banquete do inverno e preparavam a maior parte da comida. Os homens faziam o trabalho pesado, como cortar madeira, afiar facas e cortavam as carnes. A maior parte era salgada e curada, e o restante era lacrado hermeticamente com uma camada de gordura. Nada se perdia - depois do corte da carne era hora de fazer velas e sabão com a gordura.
As crianças esperavam ansiosamente a comida ficar pronta, da mesma maneira que fazem hoje. Pão, pão de fôrma, lefse e pelo menos sete tipos de biscoitos doces eram assados. Depois que a cerveja era fabricada e o corte da carne e o assado preparados, a família trabalhava em conjunto para limpar a casa inteira. Tudo precisava estar limpo e brilhante para o Natal. Os homens cortavam e traziam para dentro de casa madeira suficiente para durar o feriado inteiro. Os ramos de aveia eram postos do lado de fora para os pássaros, porque as famílias acreditavam que, se os pássaros cantavam e gorjeavam ruidosamente, seria um bom ano. No celeiro, os animais recebiam um pouco de feno extra e alimentação.
Religião...
A porta do celeiro era marcada com uma cruz para manter afastados os espíritos do mal, e a cruz era também usada como decoração no pão, na manteiga ou no teto acima da mesa do Natal. Os cardápios variavam de distrito para distrito, mas em toda parte a mesa era cheia da melhor e mais gostosa comida que a casa pudesse oferecer. Todas as pessoas que viviam na fazenda - empregados, família e convidados - comiam o jantar de Natal juntos. Freqüentemente as mulheres deixavam a comida de fora até o dia depois do Natal caso espíritos do mal e "pequenas pessoas" resolvessem visitar a fazenda durante a noite. O nisse não podia ser esquecido, caso contrário a fazenda poderia ter má sorte.
Todos iam para um culto matinal da igreja no Dia de Natal, e em muitos lugares pessoas apostavam corrida até em casa. Enquanto a Véspera de Natal era passada em casa com a família, os noruegueses socializavam no Dia de Natal, visitando amigos e vizinhos, próximos e distantes.
Julebukk...
Grupos de crianças e adultos fantasiados com um bukk (bode) na frente, era uma visão comum. Em troca de canto e entretenimento, eles recebiam guloseimas e brincadeiras. Em muitos distritos, eram habituais corridas de uma fazenda a outra, incluindo um total de 30 cavalos de cada vez.
Depois de muitos dias de festa, o 13° dia do Natal marcava o fim dos feriados. Era comum beber Yule e comer todas as sobras. Tudo o que sobrava nas cestas presas às árvores no Natal era para ser comido.
x
x
x

Desejo a todos voces um dia delicioso,

cheio de paz e harmonia...

e que o espirito natalino

ja esteja presente

em

todos os coracoes...

x

x

x

Ps...Hei Do...aqui em Bergen temos varios Shoppings centers, o maior de todos e o Lagune no caminho para o aeroporto e um dos mais visitados tb...mas em tamanho nao se comparam a nenhum shopping paulista mas oferecem a maioria das lojas que a populacao gosta...ah!! e tb nao temos aquelas gigantescas area de lazer e de alimentacao como nos grandes shoppings do Brasil..

Ps2...Hei pessoal muita gente de volta ou de blog novo...a Anna da Suica voltou apos um longo periodo..seja bem vinda amiga!!...

A Tati na Noruega esta de blog novo....felicidades no novo blog, Tati...

O Osmar na Noruega tb comecou com um novo estilo de blog bem interessante para quem esta a fim de saber mais sobre como morar ou trabalhar na Noruega...de uma olhadinha...


Nenhum comentário: